terça-feira, 1 de julho de 2008

Um dia abençoado. Não pergunte por quem!


Já tinha até esquecido que todo dia 29 muitos lugares oferecem nhoque, mas uma amiga me convidou para conhecer a Confraria do Nhoque, que é tocada pela Ariela, do restaurante Tanger.

A confraria se reúne, é claro, no dia 29 de cada mês, na casa da Ariela e do Caio (e do Felipe, o pimpolho). Dessa vez, um domingão ensolarado, ela reuniu a turma para o almoço. Cardápio? Uma sopa de entrada (velouté de agrião e camarão), os nhoques malfattis, do sul da Itália (espinafre, ricota e parmesão) e pudim de castanhas-do-pará com sorvete de creme de sobremesa. Tudo muito bom.

As mesas estavam dispostas no quintal. Lindo. Florido, ensolarado.
Cerveja gelada, vinho pra quem se aventurou, apesar do calor, e conversa boa. Os detalhes estão aí pelas fotos.

Vale uma visita ao site.

3 comentários:

Patty Diphusa disse...

Delícia mesmo.

Vc e a Kriko estão uma dupla e tanto, hem...Eu mereço. rs


Bjs

Luciana G. disse...

Nem sei como vim parar aqui, acho que foi o título do blog que me atraiu... E nem sou louca por pequi! rsrsrs

Aí gostei das fotos, dos textos, das flores, das montanhas, dos drinks, da japinha linda!!!

Sou paulistana, meus pais são de Santos - me identifiquei mais ainda.

Volto mais, me senti bem em casa por aqui.

Um abraço,

Luciana G.

Krikoland disse...

Ah, vc também estava na farra do nhoque é? Mas seu link não está funcionando. O da Patty estava, deve estar com o endereço certo. Dá uma olhada.

E já vieram reclamar da gente aqui, é? kkkkkkkk

Inté