sexta-feira, 25 de abril de 2008

E tem gente que não gosta de boteco!



Eu gosto muito dos botecos. Basta olhar essa foto pra saber por quê


É no boteco
que o pai vai encontrar a filha
pra um último choppinho
a filha por seu lado
vai pro boteco
encontrar o namorado
e este encontra o sogro
que “aguenta” o genro
porque o nome dele é Caetano!

Ufa! brincadeirinha minha, mas viram como o boteco tem função social!?

6 comentários:

Patty Diphusa disse...

Claro que tem uma função social. Todos conversam enquanto os garçons justificam seus empregos e o tanto de chopps que nos empurram. Contra a nossa vontade, claro.

Agora, não entendi a história da foto. Quem é o pai, quem é o namorado?

Bjs, volta logo. Continuo sem entender o caldeirão de bruxa, tá?

Redneck disse...

Oh! se tem! E Patty, discordo. O garçom empurra a gente para ir embora e a gente lá, sem dar conta. Beijo Andarilha!

andarilha disse...

Acho que o paizao vai ficar feliz quando souber que foi confundido com o genro que deve ter a metade da idade dele. O paizão é o da direita.

E o caldeirão de bruxa? Acho que todo mundo tem alguma coisa de bruxa, ou não tem? A comida feita no caldeirão é pra encantar os comensais!

E red, acho que a Patty esqueceu do resto da cadeia movida pela bebida servida pelos garçons. Imagine quantos trabalham nas cervejarias e destilarias no Brasil?

Mas fiquei impressionada com os brasilienses. Bebem demais, demais da conta!

Patty Diphusa disse...

É, tomara que o paizão fique feliz e não o genro fique puto. hahaha.

bjs

Patty Diphusa disse...

Ah, Red, valem os dois. Primeiro nos empurram um tantão de chopp depois nos empurram para ir embora. Eu hem, sô...

andarilha disse...

Ei, vocês dois,

o pior de tudo isso, é que mesmo depois de ser expulso do boteco (alguns deixam de servir, outros jogam água no chão) o bebum sempre volta. Quem é pior que quem?