quarta-feira, 23 de abril de 2008

Brasília depois das chuvas

Cheguei hoje em Brasília e vi a cidade exuberante, tudo muito verde e flores amarelas, roxas, vermelhas, laranja. Havia chovido nos dias anteriores e durante a noite de ontem também. A cidade parece indiferente a tantas tensões criadas na Câmara, no Senado, nos ministérios, no Palácio do Planalto. Vou ficar na casa de uma amiga que se chama Zinia. E na entrada da quadra dela tem um canteiro de zinias plantado pelo GDF(Governo do Distrito Federal). É mole?

Hoje quero conhecer o Mercado Municipal de Brasília. Uma mistura de bar e mercado. Idéia do Giba e do Jorge, dois botequeiros que resolveram viver disso, ou seja, além de frequentar botecos, abriram seus próprios negócios. O Giba tem, com diferentes sócios em São Paulo, o Canto Madalena (na Vila Madalena) e o Brasileirinho (no mezanino do Mercado Municipal). E o Jorge, mineiro que começou a vida notívaga/empresarial com o Feitiço Mineiro, hoje responde pelos bares da moda: o Armazém do Ferreira, o Bar Brasília e o Monumental.

Também vou aproveitar pra procurar pequi inteiro pra levar na aula de culinária do Centro-Oeste. Tenho pequi em casa em pasta, em lâminas e congelado, mas a fruta inteira não. Nem sei se é época. Vou olhar no mercado.

5 comentários:

Sig Mundi disse...

Faca bom proveito! E e sempre bom rever os amigos...

bjs, andrea

Amèlie disse...

Vida longa ao Giba e ao Jorge!

Parabéns pelo humor leve e inteligente, aqui e no blog da Patty!

Beijos.

Patty Diphusa disse...

Ai, não diga que vai trazer pequi só para a aula de culinária? Estou vendo que vou ter de aprender a fazer aquela franco com pequi que estou querendo há séculos, vc e o Red nada...

Bjs para a Zínia. E curta bem Brasília. Nem precisa mandar, né.

Patty Diphusa disse...

Frango

andarilha disse...

patty,
assim vou ter que fazer um panelão de frango com pequi e quero ver você comer tudim, tudim!
Depois num vem chorá de dor de barriga, viu?