sexta-feira, 27 de março de 2009

Curiosidades da nossa língua


Recebi o tão esperado VOLP, o Vocabulário Ortográfico da Língua Portugesa, com a adaptação ao acordo ortográfico que a Academia Brasileira de Letras acabou de fazer. Não se trata de um dicionário, mas de uma lista de 340 mil verbetes com a forma correta de grafar as palavras.

Bom, folheando o VOLP pra tentar entender um pouquinho das novas regras para o uso do hífen, encontrei coisas curiosíssimas. Imaginem vocês que existe cerca de 300 tipos de capim. Isso mesmo. Querem uns exemplos? Capim-gigante-das-baixas, capim-de-andar, capim-de-frei-Luis, e por aí vai. E formiga-de-quatro-picadas? E a fava-de-santo-inácio-falsa? E a crejeira-do-peru? E o gafanhoto-soldado? E o que dizer da grama-ordinária? Essa nossa língua é curiosa demais!

O feijão, por sinal, tem aos montes. Encontrei alguns nomes mais que interessantes: feijão-mãezinha, feijão-bravo-mata-cabrito, feijão-sem-rival, feijão-cem-por-um, feijão-cabelo-da-índia, feijão-come-se-tudo, feijão-de-pombinha etc.

E vou continuar folheando as 970 páginas do dito VOLP atrás de mais surpresas.

2 comentários:

Anônimo disse...

Oi queridona!

Passo aqui muitas vezes e não digo nada. Resolvi acabar com esse meu egoísmo: adoro seu blog! Muita sensibilidade e lucidez. Forma e conteúdo....

Beijos,


Adriana (aquela amiga da Sônia)

andarilha disse...

adriana,

volte sempre. Andei muito ocupada ultimamente e não consegui postar nada, mas hoje coloco uma coisinha sobre o lindão de olhos verdes que responde pelo nome de Chico Buarque.
]
bjs.