quinta-feira, 9 de setembro de 2010

O Pará sem Paulo Martins

Muito triste a notícia da morte do Paulo Martins, do restaurante Lá em casa, de Belém.

Ele foi um dos maiores responsáveis pela difusão da culinária paraense fora do seu estado. Ele tinha diabetes e outras complicações e já estava doente há alguns anos.

Estive diversas vezes em Belém, mas nunca consegui falar com ele, já muito doente. Lamentei muito não ter conseguido entrevistá-lo para o meu TCC sobre o cupuaçu. Acabei usando informações do livro Culinária Paraense e também de uma apostila que a mãe dele, dona Ana Martins Martins escreveu para o Senac-PA.

Neste video, do projeto Saberes do Brasil, tocado pela Ana Maria Trajano, Paulo Martins fala sobre a gastronomia da região amazônica. De quebra, no Youtube tem também o vídeo com a dona Ana Maria, com depoimento para o mesmo projeto. O link é este http://www.youtube.com/watch?v=BZ5H3ST7BYM

2 comentários:

Dolores Coelho disse...

Ele subiu para um Festa de Babette paraense no Céu.... Na mala, muito tucupi, jambu verdinho e trocentas receitas coloridas e deliciosas.Na chegada lá em cima, foi denunciado pelo cheiro da pimenta e do cupuaçu fresquinho.Ficam as saudades, a boa lembrança dos paladares mágicos e o respeito ao nome de Paulo Martins, o Chef do Pará!
Dolores Coelho

andarilha disse...

Ei, Dolores, sera que lá tem cozinha? De uma coisa eu tenho certeza: deve ter muito paraense com seu inseparável isopor!